segunda-feira, 19 de junho de 2017

Estou de coração partido.

O mundo está a dar uma volta de 360 graus.
Sinto-me tão triste e desolada com o que se está a passar em Pedrógão Grande e nos outros distritos...
Sinceramente,  a culpa disto é toda nossa porque se nós respeitássemos a mãe natureza nada acontecia. Sol no inverno, chuva no verão, nada era assim. 
Não acho que a mãe natureza quis se vingar de todos nós tirando vidas a vários portugueses porque não faria sentido, mas também nós não fazemos as coisas por mal, não é verdade?
Se soubesse quantos anos teria de vida, daria grande parte deles para que as pessoas não morressem deste jeito e que voltassem às suas vidas.
O que me choca? Tudo um pouco. Das crianças que tinham um futuro pela frente, das famílias que ainda agora tinham começado, dos homens que lutaram para salvar o nosso povo, as pessoas que tentaram escapar e foram apenas surpreendidas pelas chamas. 
Nada mais entristece do que ver pessoas a morrer como se fossem apenas folhas esmagadas e natureza a ser destruída. O que era verde, tornou-se negro. Era pedir muito uma chuva milagrosa? Por favor!

Muita força.

Nenhum comentário:

Postar um comentário